quinta-feira, maio 29, 2008



Chamaram-me demónio, acedo, sinto-me um...

6 comentários: